Conteúdo que ensina; conteúdo que converte

Conteúdo que ensina; conteúdo que converte

11. novembro, 2011|Estratégia de Conteúdo, Geral|sem comentários

Empresas que promovem experiências deixam mais lembranças na mente dos atuais e potenciais clientes, facilitando o engajamento e a rentabilidade. Veja dois exemplos: Saiba Mais

Conteúdo e Relações Públicas: erros, vantagens, crises e outros pontos

Conteúdo e Relações Públicas: erros, vantagens, crises e outros pontos

28. outubro, 2011|Produção de conteúdo, Relações Públicas|sem comentários

Mídias sociais são campo fértil para atuação de relações públicas. Agora, o desafio é saber adequar o conteúdo das empresas para relacionamento e geração de valor com seus públicos e fazer a convergência on-offline. Saiba Mais

Não minta para seus clientes. Evite crises!

Não minta para seus clientes. Evite crises!

1. abril, 2011|Geral, Mídias Sociais|4 comentários

Trabalhei em uma empresa — que eu morro mas não digo o nome (rs) — onde mentia-se ou omitia-se com muita frequência para os clientes sobre seus pedidos, suas compras, suas entregas. Isso me deixava injuriado, porque era algo que eu sabia que poderia ser contornável num primeiro momento, mas depois a bomba e as consequências poderiam ser muito piores — como de fato foram em alguns casos. Saiba Mais

#FAIL – O que aprendemos com casos como o Renault e o Brastemp

#FAIL – O que aprendemos com casos como o Renault e o Brastemp

16. março, 2011|Geral, Mídias Sociais, Vídeos|17 comentários

Será que todos os esforços de marketing para construção e manutenção da marca não são levados em consideração numa hora dessas?

“Aprenda com os erros alheios. Não viverá o bastante para cometer todos os erros.” (Martin Vanbee)

“Os tolos dizem que aprendem com os seus próprios erros; eu prefiro aprender com os erros dos outros.” (Otto Von Bismarck)

“A habilidade de aprender mais rápido que seus concorrentes pode ser a única vantagem competitiva sustentável.” (Arie De Geus)

Eu poderia discorrer sobre as grandes teorias de administração e marketing, mas começo com estas frases. Por sinal, sentenças demais oportunas para o momento, você não acha? Vamos aos fatos. Saiba Mais

ACOMPANHE-NOS